.

Todas nós ficamos eufóricas em pensar na cerimônia e festa, certo?

Mas a etapa do casamento civil é tão importante quanto, pois é ele quem lhe casa para a sociedade, quem lhe agrega o nome do seu noivo, quem lhe coloca perante a lei como um legítimo casal.

Apesar de precisar cumprir algumas burocracias, elas são simples… veja:

A1. Habilitação do casamento: Em média 30 dias antes do casamento vá no Cartório de Registro Civil mais próximo da residência de um dos noivos para iniciarem o processo de averiguação, que é o momento que o cartório checa se você realmente é livre e desimpedido para casar. Nessa etapa é necessário separar alguns documentos, como (Solteiro: RG e Certidão de Nascimento) – (Divorciado: RG e Certidão de Casamento com Averbação de Divórcio) – (Viúvo: RG, Certidão de Casamento e Certidão de Óbito do cônjuge falecido).

A2. Agendamento da Cerimônia: Após 20~30 dias você estará apto à casar, a cerimônia pode ser no próprio cartório (opção mais barata financeiramente) ou em buffet/local da festa… nesse caso deve se combinar com o cartório e agendar, essa opção é mais cara por conta do deslocamento, podendo variar em 2 ou 3 vezes mais caro.

A3. A Cerimônia: Ela acontece em local e hora agendada e conta com a presença de um juiz de casamentos, um escrevente, padrinhos e finalmente os noivos. Em caso de se casar no próprio cartório, vários casamentos ocorrem no mesmo dia e são colocados em fila por ordem de agendamento. O juiz ouve dos noivos que permanecem na decisão de casarem-se por livre e espontânea vontade, o casamento é declarado e efetuado. Assinam-se os termos e a certidão de casamento lhes é entregue das mãos do juiz.

Apesar de mais simples, o casamento civil é emocionante! Lá você pode se dizer legalmente casada e o sonho de se juntar ao seu noivo está concreto! 😉 Beijinhos…

Deixe um comentário